Versos para os jovens algemados

A vereadora Sofia Cavedon apoiadora incansável da luta contra corte de árvores na Usina do Gasômetro dedicou uma poesia aos jovens lutadores

Diz ela:

“Aos jovens algemados nesta madrugada, fiz uns versinhos:

Subiram
nas árvores
para que elas
não descessem
tiraram da ordem –
a obra, a copa, a sobra.

Ocuparam
para que não esvaziassem
de sombra, grama, orla –
a vida.

Picharam
os direitos, o prefeito, os defeitos
pedem passagem
a livre viagem –
pula roleta!

Elas dançaram
pela pública alegria
plena democracia –
vadias!

Compulsória
internação,
doida violação,
algemas nos pulsos,
árvores no chão:
a democracia
escapa da mão.”