Circular Campanha LULA Livre – URGENTE

Companheiras e companheiros:

Depois da exitosa campanha LULA Nobel da Paz, os Comitês Nacional e Internacional Lula Livre e a Direção do Partido dos Trabalhadores lançam a segunda etapa da Campanha LULA Livre, que tem por objetivos avançar na luta por justiça para LULA e, ao mesmo tempo, fazer a luta pelos direitos do povo, iniciando pela mobilização contra a reforma da Previdência.

O passo inicial desta campanha foi o Encontro Nacional LULA Livre, realizado em São Paulo, no último dia 16 de março. Neste Encontro, ficou definido que partidos e movimentos* que integram os Comitês LULA Livre e, especialmente o PT, farão um esforço prioritário para recolocar com toda a intensidade a luta pela liberdade de LULA no centro da agenda nacional. Lula é um preso político. Sem a liberdade de LULA não há democracia, não há soberania, não há garantia para os direitos da população.

Por isso, nossos dirigentes e nossa militância, está convocada a se mobilizar para:

  1. Criação ou fortalecimento dos Comitês Estaduais, municipais, por local de moradia, estudo, trabalho ou outros;
  2. Integração na Jornada Lula Livre, que será realizada de 5 a 10 de abril;
  3. Realização semanal de eventos e mobilizações LULA Livre por parte dos Comitês (Panfletagens, atos, reuniões públicas, faixas em pontos de circulação, debates, entrevistas, eventos culturais ou o que a criatividade sugerir);
  4. Ampla presença dos nossos militantes nas redes sociais, compartilhando os materiais – vídeos, textos, informações, banners da campanha LULA Livre;
  5. Engajamento militante na mobilização de recursos para o financiamento da campanha.

No Rio Grande do Sul, nossas direções e nossa a militância do PT estão convocadas a articular a criação dos Comitês Estadual e municipais, com a participação mais ampla de partidos, movimentos e personalidades do campo democrático e popular. Nosso objetivo é construir o mais urgente possível estes Comitês de forma a dar potência à campanha LULA Livre.

Da mesma forma, é fundamental a mobilização e o engajamento da nossa militância no calendário imediato que segue:

  • 22 de março: dia nacional de luta contra a Reforma da Previdência;
  • Dia 24 de março: desfile do Bloco “Ai, que saudades do meu ex!”, saída da Praça do Canhão, no Parque Marinha do Brasil, a partir das 10h;
  • Dia 05 de abril: ato de lançamento do Comitê Estadual LULA Livre, às 19 horas no Auditório Dante Barone da Assembleia Legislativa, com a presença de Gleisi, Haddad e Manuela;
  • Dia 5 de abril: saída, em Porto Alegre, da Caravana LULA Livre, que passará por Florianópolis dia 6 e concentrará em Curitiba, dia 7;
  • Dia 6 de abril: saída de caravanas regionais rumo a Curitiba, para a participação nos atos da Vigília LULA Livre, dia 7;
  • Dia 07 de abril: aniversário de 1 ano da prisão política de LULA. Em Porto Alegre, será realizado o 2º festival LULA Livre, a partir das 14 h junto ao Memorial Luís Carlos Prestes. Nos municípios, deverão ser organizadas mateadas artísticas, preferencialmente na manhã do dia 7;
  • Dia 10 de abril: vigília pelo julgamento, no STF, das ações sobre a prisão em segunda instância.

Saudações Petistas.

Executiva Estadual, em 19 de março de 2019.

*O Comitê Nacional LULA LIVRE é integrado pelo PT, PSOL, PCdoB e PCO, Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, pelas Centrais Sindicais CUT e CTB, Via Campesina e por mais de 80 entidades nacionais.